jusbrasil.com.br
25 de Novembro de 2020

“Mas você só estuda!!” Quando a adversidade e a pressão estão dentro de casa

DellaCella Souza Advogados, Advogado
há 7 anos

Mas voc s estuda Quando a adversidade e a presso esto dentro de casa

Pressão!

Essa é uma sensação muito comum entre aqueles que estão fazendo o Exame de Ordem.

Pressão pelo resultado, pressão pela aprovação, pressão para justificar os 5 anos de faculdade.

Você tem de passar” não é só uma locução interna, resultado dos sonhos do próprio examinando. “Você tem de passar” também é uma imposição que vem de fora, e na maior parte da vezes, de dentro de casa.

Mas voc s estuda Quando a adversidade e a presso esto dentro de casa

Pior!

Não é só ter de passar. É se dedicar a isto e ainda ser criticado. O “mas você só estuda” parece uma acusação, uma declaração de que o estudante é uma espécie de vagabundo inútil indisposto ao trabalho.

E ouvir isso dói.

Não se iludam: a pressão de dentro de casa é comum para muita gente. Tanto examinandos quanto concurseiros sofrem com essa estigmatização. Entre os examinandos, em especial, quando as reprovações se acumulam, a descrença entre os familiares pesa ainda mais.

Sei de histórias de verdadeiras opressões, massacres emocionais sobre quem já está encurralado pelas circunstâncias.

E o que fazer nestes casos, quando a adversidade vem de dentro de casa?

Uma solução real, de ordem prática, é difícil de apresentar. Em especial quando se trata de uma relação familiar. Conversar, explicar e mostrar causas e razões não são tarefas simples, em especial com quem é do convívio diário.

Sobre cada um de vocês existe um sonho, uma expectativa de terceiros, em especial dos pais. Qual pai não quer ver o sucesso do filho? E quando esse sucesso não vem na hora certa? O sofrimento, curiosamente, não é só do examinando, também é do pai e da mãe, e muitas vezes a única forma que eles têm de extravasar a própria ansiedade é na cobrança por resultados.

Isso é normal, claro! Mas pode ir um pouco além do normal, e a frustração pode desencadear uma cobrança exagerada, cujo resultado pode ser, ao invés de mais dedicação, uma ansiedade extremada, reflexo da incapacidade de atender aos anseios dos pais na hora certa. E a hora certa é a hora deles.

Algumas famílias cobram pelos resultados para dar uma “satisfação” a sociedade em razão dos 5 anos de curso, o bom desempenho na faculdade durante este tempo.

Não é fácil e não é brincadeira.

Uma forma de lidar com isso é aproveitar a pressão para se entregar ainda mais aos objetivos. Fazer da pressão, se possível, um estímulo.

Esta é uma alternativa.

Se serve de consolo, esta é uma realidade compartilhada por muitas, mas muitas pessoas mesmo.

Quem está passando por um aperto pode encontrar alguma orientação no post A preocupação com a prova da OAB está te atrapalhando? Veja como mudar isso!

Já é um começo.

Mas voc s estuda Quando a adversidade e a presso esto dentro de casa


Fonte:http://blog.portalexamedeordem.com.br/blog/

1 Comentário

Faça um comentário construtivo para esse documento.

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)

Parabéns pelo artigo! continuar lendo